date Duas Leitoras | Literatura e entretenimento: {Resenha} Caixa de pássaros - Josh Malerman

24/06/2016

{Resenha} Caixa de pássaros - Josh Malerman

24/06/2016
Olá, pessoas!
Caixa de pássaros ficou na minha lista de desejados por um bom tempo, até que finalmente o consegui em uma troca no Skoob por apenas um crédito ♥ (mostrei no Book Haul de abril). Tive que furar a fila interminável de livros a serem lidos e não me arrependi nem por um segundo.

Caixa de pássaros é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler.
Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas.
Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão.




Malorie é a protagonista de Caixa de Pássaros e é a história dela que acompanhamos do início ao fim. A narrativa é intercalada entre presente e passado e quem acompanha o blog sabe que eu amo isso, pois deixa a história muito mais rica e instigante, além de tornar a leitura mais fluida.

Há alguns anos, um surto pandêmico começou a apavorar o mundo todo. Ninguém sabe ao certo do que se trata, mas todos os que se arriscaram a abrir os olhos fora de suas casas se suicidaram das piores formas imagináveis. Com o passar do tempo, também começaram a perceber que não tapar suas portas e janelas poderia ter um resultado catastrófico.

- Eles acham que não é seguro olhar para fora? Olhar para qualquer lugar?

Malorie está bem cética no começo, mas quando tudo o que se vê nos jornais são notícias sobre novas vítimas, quando ela mesma presencia um dos atos suicidas, não há mais como negar: algo está enlouquecendo o mundo e ela não sabe o que é, só sabe que precisa fugir. Mas pra onde?


Ao ler um aviso no jornal em que o dono de uma casa grande e com mantimentos chamava todos os sobreviventes para se juntar a ele, a protagonista se rende e dirige por quilômetros com os olhos vendados. O que deveria ser uma tarefa simples, concluída em minutos, acaba demorando horas e nos deixa apreensivos sobre o que pode acontecer a ela. O que há lá fora?

É um blecaute, pensa Malorie. O mundo, o exterior está sendo desligado.

Como que por um milagre, ela chega à tal casa onde já vivem outras cinco pessoas: Tom, Jules, Cheryl, Don e Felix, além de Victor, o cachorro de Jules. Cada um possui suas próprias personalidades e é perceptível o medo que sentem ao ver Malorie chegar. Ela viu alguma coisa? Como será dividir os mantimentos com mais uma pessoa? Para piorar, ela está grávida. Duas novas pessoas sob os cuidados deles. E como será o parto? O futuro é um grande ponto de interrogação que paira sobre a casa de número 273 da rua Shillingham.


A luta pela sobrevivência é diária e todos precisam fazer a sua parte para que tudo ocorra da melhor forma possível. Sair para buscar água com vendas nos olhos. Procurar mantimentos pelos quarteirões próximos se orientando apenas com bastões. Encontrar mais sobreviventes e se certificar de que não estão loucos.

Parece não haver esperanças de uma recuperação do mundo exterior, mas uma chamada telefônica muda tudo. Um convite que pode mudar tudo, basta que os moradores reúnam sua coragem para sair da casa e ir em busca de um lugar melhor. Isso é possível? 14 quilômetros em um barco, sem nenhum tipo de contato visual com o mundo é algo seguro a se fazer?

Apreensão, angústia e surpresa foram sentimentos que me acompanharam do início ao fim. Não esperava o final que teve, mas acredito que foi o melhor possível.


Em momento algum eu vi Caixa de pássaros como um livro de terror daqueles que nos faz tremer. Ele é, sim, um thriller psicológico muito bem construído que te faz sentir agonia juntamente com seus personagens, te faz pensar no que acontecerá a seguir e quem sobreviverá nessa loucura, mas medo não foi um sentimento vivido por mim durante a leitura.

Sendo assim, quem está evitando Caixa de pássaros por não querer dormir com as luzes acesas depois pode encará-lo sem receio. Por ser um livro de estreia, acredito que foi muito bem escrito.

Enquanto lia eu ficava imaginando o quanto seria bom se houvesse uma adaptação, e aí ao conversar com uns colegas sobre ele, descobri que realmente haverá o/

O trecho abaixo pode conter SPOILERS. Selecione para ler.

1) Por que justamente a Shannon olhou pra fora, se era ela quem estava mais histérica com tudo isso desde o início? Faria mais sentido Malorie olhar, já que ela é quem estava cética.

2) Um cordão umbilical é forte o suficiente pra aguentar o peso de uma mulher adulta? Essa morte não fez muito sentido pra mim.

3) O que diabos estava enlouquecendo as pessoas? Não tenho muitas teorias pra isso. Pássaros robôs alienígenas? Talvez esses pássaros nem sejam pássaros, afinal... quem tem teorias?

VEJA MAIS:
Resenha - Alameda dos pesadelos
Resenha - Um toque de morte

Avaliação:

26 comentários:

  1. Eu achei a capa muito parecida com a de um livro do Stephen King e só isso já me chamou atenção.
    Agora a resenha que você fez me deixou curioso pra ler mesmo, pra saber o que acontece e como acontece cada detalhe, caramba, fiquei interessado mesmo!

    Um abraço
    https://livrosamoremais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Parecido com qual? Ele tem muitos livros, acho que não conheço esse :)
      O livro é ótimo! Se tiver chance, leia
      Abraço

      Excluir
  2. Estava super curiosa para ler esse livro quando lançou mas vi várias resenhas negativas por conta do final, mesmo assim tenho curiosidade para saber como tudo é narrado com as vendas nos olhos.
    Suas fotos ficaram lindas, ahazou \o/
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que o final foi digno, sabe? Mas se fosse diferente eu ia gostar também haha
      Obrigada o/
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Kemmy!

    Tenho um a igo que está louco pra ler! Thriller psicológico às vezes pe mais interessante que terror, acho que tenho menos medo rsrssr Adorei as fotos e ca pa é linda!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas esse não dá medo :p
      Eu também ando preferindo thriller psicológico a terror haha
      Beijos!

      Excluir
  4. Olá Kemmy...
    Esse livro é maravilhoso, quando o li fiquei apaixonada pela narrativa e eu nem gostava do gênero, agora quero ler todos kkkk.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom quando isso acontece, né? Sair da zona de conforto e descobrir um novo "amor"
      beijo

      Excluir
  5. Fiquei bem curiosa para ler o livro e ouvi muito dizer que dá medo e tal.
    Uma das primeiras pessoas que comentou sobre não ter medo que vi foi você. Mas tbm pq li poucas resenhas dessa obra.
    Fquei bem curiosa.
    Adorei seu Blog.
    http://revelandosentimentos.blogspot.com - Concorra aos dois volumes A GAROTA DO CALENDÁRIO - Janeiro e Fevereiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Naty!
      Olha, eu senti muita agonia, mas medo não haha
      Fico feliz que tenha gostado <3

      Excluir
  6. Oi
    eu tenho interesse em ler esse livro, que bom que gostou da leitura e não lembro de ter lido em alguma resenha sobre ela sair dirigindo com os olhos vendados, parece ser uma boa leitura.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, foi muito agoniante imaginar isso :o

      Excluir
  7. Eu adorei a sua resenha, porque vi outras anteriores que me deixou toda cagada de medo. kkk
    Eu gostei muito da sua opinião, porque a sinopse deixa um mistério e um medinho no ar. haha
    Gente, fiquei agoniada só de pensar que essas pessoas tem que sair na rua de olhos vedados porque senão morre. E a menina grávida? Como fazer quando o neném nascer?
    Esse livro me deixou com uma vontade imensa de ficar lendo ele até acabar. haha
    E olha que não sou chegada em livros desse gênero. ;)
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse livro é incrível e eu recomendaria pra qualquer pessoa, porque ajuda a refletir sobre o que faríamos nas situações em que os personagens passam, sabe?
      Eu mesma não sei o que faria haha
      Beijos!

      Excluir
  8. Oi, Kemmy!
    Tenho ouvido falar super bem desse livro, mas tenho um medinho e pé atrás com esses trillers. Adorei a resenha, a leitura parece incrível e uma hora vou dar uma chance a ele.
    Beijos! :D
    Borboletas de Papel | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline, acredito que não vai se arrepender :D
      Beijos

      Excluir
  9. Já tinha ouvido falar desse livro, mas achava que era de terror, como não gosto muito do gênero, nem me interessei em saber mais sobre ele. Gostei bastante da sua resenha e fiquei curiosa para saber mais sobre a história. Vou colocá-lo na minha lista de leitura.
    Beijos
    Bluebell Bee

    ResponderExcluir
  10. AMO LIVROS COM DESCONTO passou por aqui! :3 <3

    ResponderExcluir
  11. Olá Kemmy, tudo bem contigo ???
    Eu li Caixa de Pássaros no início desse ano e apesar de ter gostado da leitura e curtido muito a proposta do livro, não foi aquela obra tão boa quanto eu imaginei que seria, entende ?!
    Esse livro trouxe tantas resenhas, tantos comentários positivos, tanto burburinho, que eu realmente acreditei se tratar de um livro maravilhoso, que iria te prender, que iria se infiltrar em suas veias e te fazer pensar muito. Mesmo me fazendo pensar, vou confessar que esperava mais.
    Ainda não consegui fazer a minha resenha sobre o livro, mas assim como você eu vi algumas coisas que não fizeram tanto sentido, mas outras foram uma sacada de gênio !!! ^^

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ryoko!
      Eu também vi diversas resenhas mega positivas sobre ele e confesso que as negativas me desanimaram um pouco, então acho que por isso a leitura foi tão boa pra mim. Já tinha baixado um pouco as expectativas haha
      Tem coisas muito bem boladas, né? Principalmente para um autor principiante
      Beijos

      Excluir
  12. Li esse livro ano passado e não gostei. Não me identifiquei com os personagens, não senti medo nem agonia. Achei a escrita ruim e vi spoilers no meio da narrativa que quebraram o suspense. Enfim, foi muito decepcionante para mim :/

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Que pena :/ não lembro de ter visto spoilers, só acho que a forma como foi narrado deixou muito certo como tudo ia "terminar" e isso diminuiu bastante o suspense, mas no geral foi um ótimo livro pra mim.
      Mas é assim, não tem como agradar a todos :p

      Excluir
  13. Eu estou louca pra ler esse livro! Já li tanta resenha boa sobre ele, o pessoal surtou ao ler. Adoro esse ambiente de suspense, de medo das pessoas, de incertezas Dá um toque muito bom às histórias.
    Com certeza esse livro vai para a minha lista de TENHO que ler!

    ResponderExcluir
  14. Eu fui uma dessas pessoas que estava evitando ler para não ter que dormir com as luzes acesas kkkkk
    Eu sou uma pessoa muito medrosa, mas não posso dizer que é terror, mas em algumas partes o suspense é muito grande, te deixa apreensiva, angustiada.
    Achei o livro muito bem escrito, me peguei pensando muito no final e cheguei a conclusão que o livro realmente faz a gente pensar, e essa é a ideia.

    ResponderExcluir

Os comentários passam por moderação, pois são todos lidos com muito carinho.

Ultimamente não tenho conseguido responder, mas retribuo as visitas de todos que deixam os links ao final do comentário. Beijos!